fbpx

Zé Renato

Zé Renato começou sua carreira artística participando de festivais estudantis, amadurecendo ali sua verve de compositor. Em 1978 formou, com Claudio Nucci, David Tygel e Maurício Maestro, o quarteto vocal e instrumental Boca Livre, acompanhando Edu Lobo em diversos shows pelo país.

Em 1979 o Boca Livre gravou seu primeiro LP, independente, cujas vendas superaram a marca das cem mil cópias vendidas. Paralelamente ao seu trabalho com o Boca Livre, Zé Renato se lançou como artista solo. Em 1982 lançou “FONTE DA VIDA”, seu primeiro disco, e, em 1984, “LUZ E MISTÉRIO”. Retomou sua parceria com Cláudio Nucci em 1985, lançando o disco “PELO SIM, PELO NÃO”. As canções “Pelo sim, pelo não” (parceria com Claudio Nucci e Juca Filho) e “A hora e a vez” (parceria com Cláudio Nucci e Ronaldo Bastos), gravadas nesse disco, foram incluídas na trilha sonora de “Roque Santeiro”, novela de grande repercussão da TV Globo.

Ainda em 1985, convidado por Antonio Carlos Jobim, participou da trilha sonora de “O TEMPO E O VENTO”, minissérie transmitida pela TV Globo, gravando as músicas “Rodrigo, meu capitão” e “Dona Bibiana”, ambas do maestro.

Em 1988 Zé Renato integrou a banda de Al di Meola, participando da gravação do LP “TIRAMISU” do guitarrista americano. Na sequência, turnês pelos Estados Unidos e Europa. Em 1990 lançou novo disco solo, “PEGADAS”, com acento mais pop e que contou com a emocionante participação de Antonio Carlos Jobim no clássico “O amor em paz”. Em 1993, gravou com Victor Biglione e LittoNebbia em Buenos Aires o disco “PONTO DE ENCONTRO”.

1999 seria um ano muito especial para Zé Renato. Neste ano inicia-se o projeto “Dobrando a Carioca”, ao lado de Guinga, Moacyr Luz e Jards Macalé. Desde então o quarteto tem feito shows, culminando com o DVD lançado em 2016. Neste mesmo ano gravou “CABÔ”, CD composto de sambas autorais em parceria com Lenine, Pedro Luis e Elton Medeiros, entre outros.

No final de 2003 lançou o cd “MINHA PRAIA”, uma mistura de suas composições mais significativas em sua trajetória com inéditas em parceria com Arnaldo Antunes, Paulo César Pinheiro, Capinan, entre outros. Ainda em 2003 idealizou e produziu o show e cd “SAMBA PRAS CRIANÇAS”, ganhador do Prêmio TIM 2004 de Melhor Disco Infantil. E em 2004 recebeu, pelo disco “MINHA PRAIA”, o Prêmio Rival BR de Música na categoria de Melhor Cantor.

Em 2006 realizou 4 projetos: o show “ENCONTRO DAS ÁGUAS” com Joyce Moreno; o seu segundo cd infantil “FORRÓ PRAS CRIANÇAS” (pela gravadora Biscoito Fino) que recebeu o Premio Tim 2007 de melhor cd infantil e foi indicado ao Grammy Latino de 2007 na categoria Melhor álbum infantil; a gravação do CD/DVD  “ZÉ RENATO AO VIVO”, com participação especial de Milton Nascimento; e o retorno ao Boca Livre, junto com David Tygel, Maurício Maestro e Lourenço Baeta, em show concorridíssimo no Canecão, gravado e lançado posteriormente como “BOCA LIVRE E AO VIVO”. O DVD foi vencedor do Prêmio Tim 2008 na categoria Melhor Grupo.

Em 2013 lançou, com o grupo Boca Livre, o cd AMIZADE, vencedor do 25º Prêmio da Música Brasileira.

Seu disco autoral, independente,”ZR TRIO – O VENTO NA MADRUGADA SOPROU”, lançado em 2014, ganha o Prêmio da Música Brasileira 2015. Neste disco destaca-se seu lado violonista, além de intérprete e compositor. No ZR Trio é acompanhado de Tutty Moreno (bateria) e Romulo Gomes (baixo).

Em 2016 comemorou 60 anos de idade e 40 de carreira com o lançamento da caixa de 4cds “Anos 80”.

Em 2017, Zé Renato gravou o cd autoral BEBEDOURO, aclamado pela crítica especializada, trazendo músicas inéditas com os parceiros Paulo Cesar Pinheiro, Joyce Moreno, Moacyr Luz, João Cavalcanti, Nei Lopes, Capinam, Moraes Moreira.

Em setembro de 2019 faz sua primeira viagem ao Japão a convite de Joyce Moreno e do Blue Note Tokyo para cinco apresentações em Tokyo e Yokohama, além de participação na rádio J-Wave com Jin Nakahara. Ainda em 2019 lançou o cd “O AMOR É UM SEGREDO – ZÉ RENATO Canta PAULINHO DA VIOLA” (Mills Records).

Durante os seus 44 anos de carreira, Zé Renato vem construindo seu nome com um pé fincado na tradição da música brasileira e outro em seu próprio talento de intérprete, sempre aberto ao novo, mas nunca esquecendo de suas influências. Constam da relação dos intérpretes de suas canções artistas como Zizi Possi, Leila Pinheiro, Milton Nascimento, Lulu Santos, Joyce Moreno, Jon Anderson, Nana Caymmi, MPB-4, Céu da Boca e Boca Livre, entre outros.

 Texto: Maurício Gouvêa

MiscelLAneoUs
COMPRE

 

 

 

Vertical matte rolex replica black dial, the new iron tyrant's dial is replica watches very eye-catching visually, on the dial plated with a black coating and swiss replica watches then brush into a vertical line of lines, remove part of the black coating, then exposed The color of replica watches uk the dial finally shows a unique effect.